Evolução das Esquadrias de Madeira no Brasil

José Luiz Miotto

Resumo


Este trabalho tem como objetivo estudar a evolução das esquadrias de madeira no Brasil, particularmente as janelas usadas em construções residenciais, desde o Descobrimento até os dias atuais. Após a apresentação dos conceitos, faz-se uma análise histórica da evolução da janela de madeira e suas relações com o contexto econômico, tecnológico e cultural no qual se insere, especialmente os diferentes estilos arquitetônicos que ocorreram no país. Optou-se por uma abordagem envolvendo apenas a janela, já que ela aparece geralmente em maior número nas edificações, além do que sua quantidade, dimensões e formas contribuem com a estética do edifício, conferindo-lhe, sobretudo, ritmidade, iluminação, ventilação e privacidade, apresentando-se um levantamento iconográfico delas em diferentes épocas. Realizou-se uma consulta a grandes e pequenos fabricantes de esquadrias de madeira em que se constatou que, além da madeira serrada, os seus derivados vêm ocupando um lugar de destaque no rol das matérias-primas empregadas. Ressalta-se a importância das chapas de fibras, dos sarrafeados e das chapas de fibras de média densidade (MDF) para esse fim

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.